Outras mulheres de grande influência

Outras mulheres de grande influência e que foram e são destaque nas respectivas épocas de sua existência merecem ser recordadas nesse Dia Internacional da Mulher:
Anne Frank (1929/1945): adolescente alemã de origem judaica, escreveu um diário durante o tempo que ficou em um esconderijo para escapar dos nazistas. Seu diário é um dos livros mais traduzidos no mundo.
Cássia Eller (1962-2001): foi uma cantora e violonista do rock brasileiro dos anos 1990.
Carlota Joaquina (1775-1830): foi infanta de Espanha, princesa do Brasil e rainha de Portugal por seu casamento com D. João VI de Bragança. Ficou conhecida como A Megera de Queluz, pela sua personalidade forte e porque foi isolada no Palácio de Queluz, nos arredores de Lisboa por ter conspirado contra o príncipe.
Carmem Miranda (1909-1955): a pequena notável, como ficou conhecida, era cantora e atriz luso-brasileira.
Daiane dos Santos: nasceu em 1983. Foi a primeira ginasta brasileira, entre homens e mulheres, a conquistar uma medalha de ouro em uma edição do Campeonato Mundial. Dos Santos fez parte da primeira seleção brasileira completa a disputar uma edição olímpica – nos Jogos de Atenas -, repetindo a presença na edição seguinte, nas Olimpíadas de Pequim. Daiane possui ainda dois movimentos nomeados após suas primeiras execuções: Dos Santos I e Dos Santos II.
Dercy Gonçalves (1907-2008): foi uma atriz, humorista e cantora brasileira, oriunda do teatro de revista, notória por suas participações na produção cinematográfica brasileira das décadas de 1950 e 1960. Celebrada por suas entrevistas irreverentes, bom humor e emprego constante de palavras de baixo calão, foi uma das maiores expoentes do teatro de improviso no Brasil.
Dilma Rousseff: nasceu em 1947. É uma economista e política brasileira, e a atualpresidenta da República Federativa do Brasil. Durante o governo do ex-presidenteLuiz Inácio Lula da Silva, assumiu a chefia do Ministério de Minas e Energia, e posteriormente, da Casa Civil. Em 2010, foi escolhida pelo seu partido  para se candidatar à Presidência da República, sendo que o resultado de segundo turno, em31 de outubro, tornou Dilma a primeira mulher a ser eleita para o posto de chefe de Estado e de governo, em toda a história do Brasil.
Elis Regina (1945-1982): Foi uma intérprete brasileira. Elis Regina é considerada por muitos críticos, comentadores e outros músicos a melhor cantora brasileira de todos os tempos.
Fátima Bernardes:  nasceu em 1962. É uma jornalista brasileira. Atualmente é âncora do principal telejornal brasileiro. Já recebeu muitos prêmios em reconhecimento ao seu potencial jornalístico.
Hebe Camargo: nasceu em 1929. É uma consagrada apresentadora de televisão, atriz e cantora brasileira, tida como a “rainha da tv brasileira”. Ela estava no grupo que foi ao porto da cidade de Santos buscar os equipamentos de televisão para a formação da primeira rede brasileira, a Rede Tupi.
Madonna: nasceu em 1958. É uma cantora, atriz e empresária americana. Madonna vendeu mais de 275 milhões de álbuns no mundo inteiro e é reconhecida como a artista feminina que mais vendeu em todos os tempos. Madonna é notada por renovar frequentemente seu trabalho e usar seus videoclipes e shows para comunicar sua posição sobre sexo, religião e política.
Maria Bonita (1911-1938): foi a primeira mulher a participar de um grupo decangaceiros.
Marina Silva: nasceu em 1958. É uma ambientalista,historiadora, pedagoga e política brasileira, filiada ao Partido Verde (PV). Foi senadora pelo estado do Acre durante 16 anos. Foi ministra do Meio Ambiente no governo Lula do seu início até 13 de maio de 2008. Também foi candidata à Presidência da República em 2010 pelo PV, obtendo a terceira colocação entre nove candidatos, com 19,33% da porcentagem total – expressivos 19.636.359 votos.
Marta Vieira da Silva, mais conhecida como Marta, nasceu em 1986. É uma futebolista brasileira que atua como atacante. Marta já foi escolhida como melhor futebolista do mundo por cinco vezes consecutivas, um recorde entre mulheres e homens. Foi considerada pela Revista Época um dos 100 brasileiros mais influentes do ano de 2009. Após a grandes exibições recentes e, principalmente, nos Jogos Pan-americanos de 2007, Marta chegou a ser comparada a Pelé, sendo chamada pelo mesmo de o “Pelé de Saias”.

 

Olga Benário Prestes (1908-1942): foi uma jovem militante comunista alemã, de origem judaica, deportada para a Alemanha durante o governo de Getúlio Vargas, onde veio a ser executada pelo regime nazista em campo de concentração. Veio para o Brasil na década de 30, por determinação da Internacional Comunista, para apoiar o Partido Comunista do Brasil. Destacada como guarda-costa de Luís Carlos Prestes, tornou-se sua companheira, tendo com ele uma filha, Anita Leocádia Prestes.
Zilda Arns (1934-2010): foi uma médica pediatra e sanitarista brasileira. Foi também fundadora e coordenadora internacional da Pastoral da Criança e da Pastoral da Pessoa Idosa, organismos de ação social da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). Recebeu diversas menções especiais e títulos de cidadã honorária no país. Da mesma forma, à Pastoral da Criança foram concedidos diversos prêmios pelo trabalho que vem sendo desenvolvido desde a sua fundação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *